terça-feira, 21 de novembro de 2017

E você (não gosto deste 'você', mas lá terá de ser) já tomou banho hoje? Já leu o jornal hoje?

Imbuída de todo um espírito muito pouco natalício, admito, este ano nem um leve aroma a Natal consigo sentir no ar, espero que a coisa entretanto se dê, ou lá terei que adiar, tal como os banhos, para Dezembro do próximo ano. 

Bom, não era bem isto, isto que escrevi acima que me trouxe até aqui, o que eu gostaria de perguntar às pessoas que queiram entrar e dizer algo, é o que destacariam nesta capa do jornal. Aquilo que mais lhes salta à vista e acham de grande e avassaladora relevância (esta parte da 'avassaladora relevância', até que não me saiu nada mal)...



6 comentários :

  1. Então o homem na capa, secretário de qualquer coisa que já se me varreu, sugere que a malta tome menos banhos? Terei percebido bem?
    E será durante a noite, período em que por norma se consome menos água, a altura ideal para proceder a racionamento? Não seriam mais sensatas outras opções?
    Assim ao jeito de quem está a falar muito a sério, não se pode deixar caír o 'I' em cima do secretário não sei de quê?

    Penso eu de que Maria não opta por dar destaque ao Carrilho. Nem ao líder satânico com uma cruz suástica na testa.
    Acho eu mas nada garanto.

    Escrito isto, saio devagarinho. Não convém fazer muitas ondas :)
    Boa terça!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Observador, por vezes exorcizar significa brincar com assuntos que são sérios, sabemos disso muito bem, só que para não se enlouquecer usamos o sentido de humor e, assim, acaba-se por conseguir suportar melhor. Percebi que também entrou naquela parte do sec.est.do ambiente ter sugerido banhos mais espaçados, ora eu gostava que o sec.est. nos informasse se espaçado significa uma vez por semana, uma vez pro mês, uma vez por ano, ou se só deve tomar um se formos convidados para um casamento ou baptizado? Não é por nada, é só para a malta se orientar.

      Essa sua pergunta faz sentido, sim senhor, só que terá que a endereçar ao sec.estado, ele é que percebe dessas coisas do ambiente. Esperemos é que aqui não entre o 'faz o que eu digo, não faças o que eu faço', ou seja, se o povo tem que espaçar os banhos, o senhor sec.est. também deverá dar o exemplo, queremos fotos para comprovar sff :))

      (bem metida essa do deixar cair o I, ahahahahah)

      Carrilho vs líder satânico,venha o aprendiz de diabo e escolha que eu cá não me meto nessas coisas.

      Tenha uma boa noite, caro Observador.

      Eliminar
  2. Já estou tão habituada a "racionamentos" que não morrerei por mais este e afinal a seca beneficia o tomate heheheheh e há tanta falta deles( desculpa):))

    Mas o que me salta à vista e com enorme relevância é esse cara de anjo apelidado de Carrilho que deveria era ir de carrinho para o raio que o parta pelo que fez e que solto, irá continuar a fazer. Pior... nunca tentou proteger os filhos.

    A "m@@@@" afinal foi ministro e que bela cultura né? Valha-me Deus!!!

    E agora vou tomar o meu duche rápido como sempre fiz:)))

    Uma boa tarde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Devo dizer que a Fatyly acertou em cheio, ao observar a capa do I o meu olhar caiu exactamente nessa parte: 'seca beneficia produção de tomate, maçã, pêra e amêndoa', até a natureza tem o seu quê de oportunista. Fez-me lembrar, mal comparado, a história da crise, algumas criaturas enriqueceram com isto da crise enquanto outros ficaram pobres que dói. É a vida sempre a acontecer, por vezes sem se conseguir perceber quais as linhas que são utilizadas, mas que isto anda tudo ligado de alguma maneira, lá isso anda.

      (não tem que pedir desculpa por coisa alguma, o humor é sempre bem-vindo, quem não gostar que coma menos tomate :)))

      (esperemos que o Carrilho não faça mais nada, uma pessoa por vezes até fica angustiada com tudo o que ouve por aí relacionado com violência doméstica)

      Bom duche, Fatyly :)

      Eliminar
  3. Ontem, quando caiu um comentário na caixa com a assinatura da Maria Madeira, logo me questionei: será que a Maria voltou? Não acreditei muito, que ela é de "determinações avassaladoras" :), mas acabei por vir espreitar.
    Bem, Maria, nem imagina o sorriso que se me instalou quando verifiquei que sim, que tinha voltado, e até já tinha vários posts publicados. Hoje, vai desculpar-me, não comento nenhum, prefiro ficar com o sorriso que almejei com o seu regresso. Mas logo volto.

    Bem-vinda!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, AC, eu é que tenho de agradecer por ter comentadores desse lado (poucos, mas bons) muito simpáticos, pessoas que dizem o que têm para dizer, umas vezes concordando, outras nem por isso, mas que o sabem fazer de forma construtiva. Gosto muito disso, ó se gosto.

      (fechei o blog por uns meses, penso que foram seis ou sete meses, mas li sempre o que escrevia, apenas não comentava, fechava a porta devagar, sem fazer barulho, e saía de mansinho)

      Beijinho, AC, volte sempre que achar por bem voltar :)

      Eliminar