sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Pensamentos à solta (porque se uma pessoa nasce é para poder andar à solta com os seus pensamentos)

Lá estou eu a enveredar pelo caminho das coisas sem sentido. Resolvi fazer um jogo que foi apenas buscar palavras soltas a pensamentos recheados do melhor que há, destacar a azul, fazer a ligação entre elas com uma linha invisível. O resultado não seria ganhador de uma estrela Michelin, longe disso, mas algo no azul destacado não é assim tão absurdo, lá isso não é. 

Vejamos:

1º pensamento 
«Um homem inteligente é por vezes forçado a embebedar-se ou a isolar-se, para conseguir aguentar os idiotas com que se vai cruzando todos os dias»

2º pensamento
«São precisos dois anos para aprender a falar e setenta para aprender a calar»

3º pensamento
«Escreve, se puderes, coisas que sejam tão improváveis como um sonho, tão absurdas como a lua-de-mel de um gafanhoto e tão verdadeiras como o simples coração de uma criança»

4º pensamento
«A felicidade em pessoas inteligentes, é das coisas mais raras que conheço»

5º pensamento
«Um idealista é um homem que, partindo de que uma rosa cheira melhor do que uma couve, deduz que uma sopa de rosas teria também melhor sabor»

...
Baralhando e voltando a dar: Se se parte do principio que uma rosa cheira melhor do que uma couve é muito pouco provável que um idiota seja uma pessoa inteligente.

14 comentários :

  1. Pensamentos à solta mas tão à solta que não dá para entender.
    Pois, isto devo ser eu mostrar o meu lado menos são.

    Ai que me dá uma coisa!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O caro Observador está a dizer que o autor destes pensamentos, um escritor norte-americano que, inclusive, ganhou um prémio Pulitzer e um prémio Nobel de Literatura, escreve coisas que não se entendem?

      Eu cá acho que foi a mim que acabou de dar uma coisinha má. Fuiiiii... (ahahahahahah)

      Eliminar
    2. Desconfio de algumas pessoas que ganham muitos prémios :)

      Eliminar
  2. Eu gostaria de comentar. Mas li e reli e não entendi. Assim sendo, meti a viola no saco e vou tocar para outra freguesia.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  3. Bom agora que li os comentários anteriores, fiquei mais descansada. Se o autor desses pensamentos já ganhou esses prémios todos, o QI dele não é compatível com o meu. Daí que seja compreensível eu não ter entendido.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó meu Deus, ó meu Deus, acho que acabei de despoletar neste espaço a terceira guerra mundial dos pensamentos com este texto. Eu cá acho estes pensamentos do melhor que há e verdadeiros que só eles, mas eu sou uma pessoa muito, mas mesmo muito, estranha, admito.

      Bom fim-de-semana para si também, Elvira.

      Eliminar
  4. Maria, são pensamentos soltos mas muito valiosos. Vamos por partes.

    1.«Um homem inteligente é por vezes forçado a embebedar-se ou a isolar-se, para conseguir aguentar os idiotas com que se vai cruzando todos os dias»

    Completamente de acordo. São tantos os idiotas que é preciso encontrar uma solução. Talvez levá-los a Marte e ficar com o dinheiro dos bilhetes de ida (que não é assim tão pouco). Talvez o nosso ar na Terra ficasse mais respirável.

    2. «São precisos dois anos para aprender a falar e setenta para aprender a calar»

    Ui. Há tanta gente a precisar de ter estas palavras afixadas em locais públicos, especialmente Jerónimo de Sousa depois da morte de Mário Soares.

    3. «Escreve, se puderes, coisas que sejam tão improváveis como um sonho, tão absurdas como a lua-de-mel de um gafanhoto e tão verdadeiras como o simples coração de uma criança»

    Aqui é capaz de estar a fórmula para se ser um escritor de sucesso. Ou talvez não.

    4. «A felicidade em pessoas inteligentes, é das coisas mais raras que conheço»

    Verdade. Acredito que isso vem da insatisfação permanente. Há que saber aproveitar os pequenos momentos. Nem sempre se pode estar a pensar na vida como um argumento de um filme de Hollywood. A vida real é bem diferente.

    5. «Um idealista é um homem que, partindo de que uma rosa cheira melhor do que uma couve, deduz que uma sopa de rosas teria também melhor sabor»

    Uma sopa de rosas teria um aspecto maravilhoso... quanto ao sabor, poderia ser tudo menos um mar de rosas :)

    Beijinho e um óptimo fim-de-semana para esses lados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Carpe,

      Admito que estava curiosa para saber se alguém faria exactamente isto. Ou seja, saltar de pensamento em pensamento e analisar à sua maneira. Eu gostei muito desta análise.

      1. Admito que colaria ao primeiro pensamento, Donald Trump.
      2. (vou pesquisar a parte referente a Jerónimo de Sousa/Mário Soares, essa parte escapou-me)
      3. Concordo completamente com o que foi escrito: "a fórmula para se ser um escritor de sucesso". Nem mais.
      4. Também concordo, não é à toa que se diz que as pessoas ignorantes são mais felizes. A felicidade acontece em modo flash, não num todo, diário, incessante e permanente.
      5. Palmas para essa resposta.

      Beijinho, Carpe. Um óptimo fim-de-semana também :)

      Eliminar
    2. Ah, esqueci-me de escrever que colaria ao primeiro pensamento Trump mas na parte de idiota. Não existe uma outra forma de escrever isto.

      Eliminar
  5. Intróito: Frases célebres de Ernest Hemingway e se meditarmos bem como eu digo ler com o coração, tem a sua dose de razão. Conheço a sua biografia e no seu percurso o seu feitio de "papoila saltitante pois teve vários mulheres, de depressivo, diabético e ensombrado com o suicídio do seu pai...pôs termo à vida também. Li alguns livros deles nos anos 60 (com 16 anos lia tudo e mais alguma coisa e até o que não devia:)))

    Perante várias pensamentos que aqui puseste eu dou a minha interpretação. Ora vamos lá a ver se não fico como ele "chanfrandinho-tadinho-mas-que-já-era":

    1º pensamento
    «Um homem inteligente é por vezes forçado a embebedar-se ou a isolar-se, para conseguir aguentar os idiotas com que se vai cruzando todos os dias»

    Concordo porque por vezes é necessário embebedar-nos (e aqui não vejo o alcool e afins) de coisas que nos fazem sentir bem e isolarmo-nos o tal carregar de baterias para aguentar tantos idiotas e por vezes em chefias e altos cargos. Poderia inumerar internacionais e alguns e algumas idiotas nacionais. Mas não me apetece!

    2º pensamento
    «São precisos dois anos para aprender a falar e setenta para aprender a calar»

    Tão real que mandaria um quadro emoldurado a três personagens políticos e um deles seria a Cavaco Silva aquando as visitas às cagarras e a uma exposição de gado e não só:))

    3º pensamento
    «Escreve, se puderes, coisas que sejam tão improváveis como um sonho, tão absurdas como a lua-de-mel de um gafanhoto e tão verdadeiras como o simples coração de uma criança»

    Esta enche-me a alma, o tal lado de alguém que sente e luta para que coisas improváveis se tornem prováveis daí ter sido o escritor que foi e em luta por achar a sua escrita assim-assim...ó...ó...ó

    4º pensamento
    «A felicidade em pessoas inteligentes, é das coisas mais raras que conheço»

    Concordo. Todo o ser humano tem flashes diários de felicidade e quem se auto nomeia como inteligente é mais burro do que sei lá, porque ser inteligente é procurar a felicidade em tudo que nos surge, agradecer por isso...ou seja procurar ser melhor todos os dias!

    5º pensamento
    «Um idealista é um homem que, partindo de que uma rosa cheira melhor do que uma couve, deduz que uma sopa de rosas teria também melhor sabor»

    Pois um idealista de coisa nenhuma pode pensar assim. Mas digo-te Maria que os olhos também mas quando o estômago ronca como roncou em tempos já lá vão, comia sopa de rosas e flores silvestes o que nacia sem ser semeado, que me soube a pouco...porque não havia couves...porque não havia nada.

    Percebo o trocadilho da frase, mas fiz outro trocadilho real e há que ser idealista mesmo quando somos confrontados pela sobrevivência!

    Acrescento uma que fixei dele que ao longo da minha fui dando várias interpretações e que ainda hoje busco a melhor. Darei o nº.6:

    As pessoas mais crueis são sempre as mais sentimentais.

    Agora vou ler os comentário e depois dormir porque aqui na minha sala o termómetro marcam dois graus e pareço o boneco da Michelin envolta em roupa e duas mantinhas.

    Um bom serão e até amanhã se Deus quiser!

    PS: Não reli e desculpa se dei erros ortográficos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fatyly, tenho um livro com ar antigo, de pensamentos, daqueles com folhas ásperas e amarelecidas, livro esse que me foi oferecido há já algum tempo num dos meus aniversários, tenho por ele um paixão grande, é esse e outro de contos, também ele com as tais folhas ásperas e amarelecidas. Vai daí que, de quando em vez, vou lá ler umas coisas. Gosto muito deste exercício de dar corda aos neurónios e fazê-los trabalhar :)

      Todos sabemos que existem pensamentos, citações, que provavelmente não serão de determinados filósofos, escritores, embora sejam "vendidos" como fidedignos, só que, lá está, se formos por aí muito existiria por desbravar.

      1. Esse "embebedar-se" não é para ser lido de forma literal, ou até pode ser, mas também se pode colar outros significados que revelem a mesma intensidade dada ao pensamento. Eu preciso de me isolar de quando em vez, preciso desse tempo para mim, para colocar os pensamentos em ordem, não sinto, como muitas pessoas, grande necessidade de estar sempre colada a alguém, essa também foi uma das razões de, se calhar, não ter sido talhada para o casamento. Já casei, divorciei-me, e a bem dizer respiro melhor não estando casada. Modos de viver a vida... Para mim o amor quer-se livre, isso de ter que estar obrigatoriamente, diariamente, com alguém, é só para gente muitA forte. Eu cá sou muito fraquinha nesse aspecto :))))

      Olhe que eu não sei se concordo com esta sua parte "quem se auto nomeia como inteligente é mais burro do que sei lá". E digo-lhe a razão. Não simpatizo lá muito com a falsa modéstia e, só por isso, sou bem capaz de gostar mais de alguém que tem a coragem de dizer que é inteligente sem que alguém naquele exacto momento consiga dizer que não o é. Tenho para mim que só os muito inteligentes conseguem dizer que o são sem que aquilo cheire a coisa estragada e sebosa.

      (eu diria que as pessoas que sabem manipular sentimentos alheios são sempre extremamente cruéis, usam sempre um manto que as cobre não vá aquilo revelar o verdadeiro rosto da hipocrisia, tenho um receio delas que nem lhe conto, arrastam más energias, a sorte é que têm um cheiro muito característico, só se uma pessoa estiver sempre constipada é que não nota...eheheh)

      Bom domingo, Fatyly.

      Eliminar
  6. https://www.youtube.com/watch?v=Nw70b9W54P0

    Um beijinho, Maria :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Alexandra, este vídeo é qualquer coisa de muito bom. Ouvi durante a hora de almoço. Adorei.

      Beijinho para si também :)

      Eliminar